Quarta-feira, 14 de Maio de 2008

Sporting está na Liga dos Campeões

 

 

SPORTING - Rui Patrício, Abel, Tonel, Polga, Grimi, Miguel Veloso, João Moutinho, Izmailov (Celsinho, 90 m), Romagnoli (Farneurd, 83 m), Vukcevic e Tiuí (Pereirinha, 66 m).
Treinador: Paulo Bento.
Suplentes não utilizados: Tiago, Ronny, Gladstone, Celsinho e Purovic.
Acção disciplinar: Cartão amarelo para Veloso (48 m)
Golos: Romagnoli (10 m g. p.) e Tiuí (22 m).

BOAVISTA - Jehle, Gilberto, Moisés, Marcelão (Bruno Pinheiro, 30 m), Angulo, Luís Loureiro (Pedro Moreira, 80 m), Fleurival, Jorge Ribeiro (Laionel, 45 m), Mateus, Hussaine, Ivan.
Treinador: Jaime Pacheco.
Suplentes não utilizados: Ricardo Neves, Mário Silva, Hugo Monteiro e Fary.
Acção disciplinar: Cartão amarelo para Marcelão (4 m) e Jorge Ribeiro (44 m).
Golo: Ivan (4 m).
 

Crónica:

Em dia de aniversário de Miguel Veloso e de Ronny, a vitória dos "leões", por 2-1, frente ao Boavista e a consequente qualificação para a fase de grupo da Liga dos Campeões foi uma boa prenda para a equipa, dirigentes, sócios e adeptos sportinguistas. O Sporting estará, pela terceira vez consecutiva, na maior competição europeia.

Quanto ao jogo que lhe garantiu o acesso directo à liga milionária, não se registaram grandes alterações na equipa. Paulo Bento utilizou Tiuí e Vukcevic (muito bem apoiado por Izmailov), substituindo Yannick Djaló, Liedson e Derlei na linha e ataque.

O Boavista poderia ter estragado a festa "leonina" logo aos 4 minutos. No lance os axadrezados recuperaram a bola a meio-campo, subiram no terreno em contra-ataque e Mateus cruzou para o golo de Ivan.

O Sporting reagiu bem ao golo sofrido e aos 10 minutos repôs a igualdade no marcador, através de uma grande penalidade convertida com êxito por Romagnoli. O empate era um resultado pouco ambicioso para os "leões", que quiseram terminar o campeonato com mais uma vitória em casa. Recorde-se que o Sporting foi o único Clube que não perdeu em casa neste campeonato.

Assim, os "pupilos" de Paulo Bento procuraram jogar com transições rápidas e sempre em busca da velocidade de Tiuí, de Vukcevic e, naturalmente, de Romagnoli. E, acabou por ser desta forma que nasceu o segundo golo verde e branco, aos 22 minutos. O autor foi Tiuí, num lance em que Vukcevic cruzou para Izmailov que amorteceu a bola com o peito e deixou-a para o brasileiro marcar. A partir daí, e até ao final do jogo, o Sporting geriu o resultado com objectividade e com uma boa circulação de bola em toda a largura do terreno, não dando oportunidade aos boavisteiros de voltar a marcar.

Com o término do campeonato, o Sporting concentra-se agora para a conquista da Taça de Portugal, no próximo dia 18 de Maio, no Estádio do Jamor.


 

 

publicado por Izmailov7 às 16:52
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
31


.posts recentes

. Leão fura Metal(ist)

. Convocados para o Metalis...

. Izmailov iniciou a revira...

. Convocados para a desloca...

. Convocados para a recepçã...

.arquivos

. Março 2012

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Dezembro 2009

. Julho 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.links

.Facebook

Facebook Izmailov7
blogs SAPO

.subscrever feeds